Saiba separar gastos e organizar as finanças da sua empresa

É muito comum ver donos de negócios misturando o dinheiro pessoal com o profissional, sem separar ou gerenciar corretamente as sua vida financeira.

Dividir o que é pessoal e o que é profissional, quando o assunto é dinheiro, pode parecer óbvio. Mas, muita gente ainda se complica nessa hora e coloca por água abaixo os planos de crescimento do negócio. Por isso, reunimos dicas valiosas de como organizar as finanças da sua empresa, separando “RG” e “CNPJ”.

A gente até entende o quanto é tentador pagar aquelas compras a mais no shopping, por exemplo, com o saldo em caixa do seu negócio. Mas, sem o devido controle, esse comportamento, a princípio “inofensivo”, representa uma grande ameaça à saúde financeira da sua empresa.

Anúncios


Se você deseja ter sucesso, mas sente dificuldade em separar as finanças pessoais das finanças do seu negócio, este artigo é ideal para você. Confira nossas dicas e boa sorte!

Primeiro, avalie o cenário

Antes de mais nada, é necessário fazer uma avaliação acerca das própria atitudes. Separar contas individuais e profissionais é a primeira atitude que você deve tomar se estiver começando um negócio.

Iniciar um empreendimento do jeito certo vai te custar bem menos tempo e dinheiro do que você precisaria para reparar os erros depois. 

O Financeiro é o coração de qualquer empresa e ele precisa estar bem estruturado para que que negócio, de fato, prospere. Quando não há estrutura nessa nesse área, os prejuízos e inadimplências tornam-se inevitáveis. 

Anúncios


Portanto, saber organizar as finanças da sua empresa é o primeiro passo para o sucesso!

Entenda a gravidade do problema

Anúncios


Sabe aquela sensação de que, por mais que os anos passem e o trabalho aumente, o lucro não cresce? Pois é, ela só terá fim quando você souber gerenciar e separar corretamente o seu dinheiro e o dinheiro do seu empreendimento.

É por isso que a organização do fluxo de caixa é fundamental para todo negócio! O objetivo é fazer uma avaliação de todo o valor que entra e todo o valor que sai do caixa durante o mês. 

O capital de giro também é de extrema importância para quem desejar obter lucros de seu negócio. Tá vendo a necessidade gritante de se organizar financeiramente? Principalmente, para quem está abrindo um negócio próprio agora.  

Afinal, o que faz um negócio prosperar não é quanto fatura, mas sim quanto lucra! Pense bem: como você irá sustentar um negócio que não se paga? Essa é uma questão relevante e deve ser levada muito a sério.

Portanto, na hora de tratar das finanças do seu negócio, o seu compromisso com elas deve ser inadiável é inegociável, ou seja: não importa o que aconteça, você não fará retiradas maiores do que as que realmente pode fazer, do caixa do seu negócio! 

Anúncios


Aprenda o que puder sobre finanças

Se inteirar sobre o assunto é, sem dúvidas, a melhor maneira de fazer o sucesso financeiro do seu negócio acontecer!

Não adianta contratar alguém para cuidar dessa parte se você não entender o mínimo sobre isso: você poderá ser vítima de fraude simplesmente por não entender o que dizem os papéis. 

Invista tempo e esforço na gestão financeira da sua empresa

Muitas vezes, a forma como o indivíduo trata suas finanças pessoais será a mesma com a qual tratará as finanças do seu negócio. 

Se você já for organizado com o seu dinheiro de forma geral, a probabilidade de saber organizar as finanças do seu negócio são grandes. 

Anúncios


Mas, se você for super desorganizado e estiver pensando em abrir um negócio, cuidado. Antes, certifique-se de aprender bem a respeito de gerenciamento financeiro! 

Quando não há boa gestão do dinheiro, há muita probabilidade de se retirar um valor do fluxo de caixa que fará falta na hora de pagar as despesas do mês.

Empresas pequenas que não dispõem de um departamento financeiro bem estruturado precisam sempre listar as despesas em planilhas, assim como as contas de cartão, despesas fixas, despesas variáveis, parcelamentos… 

Só depois disso será possível validar uma retirada mínima! Porque o maior problema nunca será quanto se ganha, e sim, quanto se gasta. 

Anúncios


A realidade é que muitos negócios não vão para frente por falta de uma gestão financeira adequada. Não deixe que o seu seja mais um! Então, sem preguiça: separe as suas finanças e comece a organizá-las para garantir o futuro do seu negócio!

Entendeu por que é tão importante saber como organizar as finanças da empresa? Então, que tal conferir também o nosso post sobre uma nova opção de empréstimo empresarial? Garantir um dinheiro extra pode salvar o seu negócio em um momento de crise!

Fernanda Reis
Redatora formada em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, fotógrafa nas horas vagas e mãe da Aurora. Nascida e criada em Recife (PE). Em seus 28 anos de vida, sempre teve paixão por escrever e um interesse especial pelas áreas de Economia e Finanças.

Artigos Relacionados

Em Alta

Aguarde…

0