Auxílio Brasil: Confira o calendário de pagamento 2022

Saiba exatamente quando o benefício estará disponível para uso

Programa que veio para substituir o antigo Bolsa Família, o Auxílio Brasil vai garantir em média R$ 400 mensais a famílias em situações de pobreza e extrema pobreza do país. Ao todo, cerca de 20 milhões de famílias serão contempladas com o reforço no orçamento.

O calendário completo de pagamento já está disponível e você confere aqui neste artigo!

Mas, antes, vale a pena conhecer melhor outros benefícios atrelados ao programa social do Governo. Confira a seguir:

  • Benefício Primeira Infância: Famílias em situação de extrema pobreza com crianças até 3 anos de idade receberão R$ 130 por menor. O valor é para suprir gastos essenciais de crianças que estão vivendo a primeira infância.
  • Benefício Composiçao Familiar:  Esse benefício contempla gestantes e pessoas de 3 a 21 anos que estiverem matriculados na rede de educação básica. Para cada membro da família dentro desses pré-requisitos, o governo pagará R$ 65 a mais.
  • Benefício Superação da Extrema Pobreza: Membros da família com renda mensal inferior a R$ 100 (considerado abaixo da linha da pobreza) receberão, do governo, R$ 65 mensais.

Benefícios adicionais

Além dos benefícios que acabamos de citar, existem outros para auxiliar crianças e adolescentes em situação escolar. O objetivo é ajudar no desenvolvimento desses jovens. São eles:

  • Bolsa de iniciação cientifica: Estudantes que se destacarem em competições acadêmicas receberão R$ 100 mensais.
  • Auxílio Esporte Escolar: Estudantes que tenham entre 12 e 17 anos que se destacarem em esportes na escola receberão benefício de R$ 100 mensais.
  • Auxílio Criança Cidadã: Benefício vai substituir o auxílio-creche e será pago para mulheres com filhos de até 4 anos. O valor varia de R$ 100 a R$ 400.
  • Auxílio Inclusão Produtiva Rural: R$ 300 reais durante três anos para trabalhadores rurais que fazem manuseio de terra.
  • Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: Para todos que comprovarem emprego formal registrado em carteira profissional.
  • Registro de Emancipação: Esse é um incentivo para que as famílias deixem a extrema pobreza e saiam do programa. Famílias que conseguirem melhorar sua situação financeira continuarão recebendo o auxílio por mais 24 meses.
  • Benefício Compensatório de Transição: Para famílias que recebiam o antigo Bolsa Família e perderam uma parte da renda ao migrarem para o Auxílio Brasil.

Agora, confira abaixo o calendário de recebimentos do Auxílio Brasil para 2022:

Em Alta

Aguarde…

0