Cartão clonado? Saiba quem paga a fatura nesses casos!

Volta e meia, ouvimos alguém comentar que teve o cartão de crédito clonado. Isso acontece porque esse crime, infelizmente, ainda é muito comum no Brasil. Apenas em 2019, mais de 3 milhões de pessoas foram vítimas do golpe. Mas, você já se perguntou quem é que paga a fatura do cartão clonado? Será que o cliente fica com o prejuízo de compres e saques realizados de forma indevida?

No ano passado, as atividades criminosas relacionadas a vazamentos de dados de cartão de crédito aumentaram – e muito. De acordo com a Axur, empresa especialista em monitoramento de riscos digitais, o Brasil só perde para os Estados Unidos quando o assunto são fraudes com o cartão de crédito.

Cada vez mais, os hackers estão roubando dados de cartões e deixando senhas e códigos de segurança expostos no Google! Consequentemente, mais cartões são clonados. Afinal, quem é que paga por essas faturas? É o que você vai descobrir no artigo de hoje. Confira a seguir!

Anúncios


Como acontece a clonagem do cartão de crédito?

Absolutamente ninguém está isento de ter o seu cartão de crédito clonado. É que a clonagem do cartão não acontece por uma falha de segurança, mas por golpes que criminosos aplicam nos consumidores.

Existem maquinetas que são forjadas. Ou seja, postas no lugar das originais, com um único intuito: copiar todos os dados do cartão inserido. Infelizmente, não há como reconhecê-las, uma vez que elas são idênticas às maquinetas originais.

Basta ter o seu cartão de crédito inserido uma única vez em uma dessas maquinetas para que todos os seus dados sejam copiados! Assim, o seu cartão é clonado e utilizado por criminosos.

Como saber se o meu cartão foi clonado?

Apareceu alguma compra que não foi realizada por você? Então, muito provavelmente, o seu cartão de crédito foi clonado e está sendo indevidamente utilizado por terceiros.

Anúncios


Para perceber mais rapidamente, tenha o costume de olhar, com uma certa frequência, todas as movimentações do seu cartão. Procure ter todos os seus gastos anotados! Assim, quando a fatura chegar,  observe se existe alguma compra não realizada por você!

Quanto mais cedo você identificar o golpe, mais rápido poderá solicitar ao banco o bloqueio ou cancelamento do seu cartão de crédito! Isso impedirá que os golpistas continuem fazendo novas compras! 

Anúncios


Mas, afinal, quem é que paga pelo cartão de crédito clonado? A gente sabe que não são os criminosos. Bem, vamos descobrir agora para quem sobra esse prejuízo!

Cartão clonado: quem paga a fatura, afinal?

Para a sorte do titular do cartão, no caso você, a operadora responsável pelo cartão de crédito é quem assume a responsabilidade de pagar pelos gastos irregulares! É que a clonagem do cartão é considerada como uma falha da empresa, e não do cliente.

Através de dados de transações, a operadora irá verificar se o titular realmente não realizou aquela compra. Um fator que ajuda bastante a identificar este tipo de fraude é a localidade da comprar irregular.

Anúncios


Normalmente, o cartão clonado é utilizado para realizar compras em outros estados. Logo, se você for de Pernambuco e a compra tiver sido realizada no Rio de Janeiro, por exemplo, a fraude fica fácil de ser descoberta.

Se você já tiver pago a fatura do seu cartão, deverá solicitar reembolso do valor à operadora. A administradora do cartão tem a obrigação legal de emitir uma nova fatura sem os débitos irregulares e te devolver o dinheiro.

Como identificar quem clonou o meu cartão?

Não existe, ainda, uma maneira de descobrir quem é o responsável pela clonagem de um cartão de crédito. Tudo é feito de maneira silenciosa, sem rastros, o que torna essa empreitada um tanto quanto impossível.

A única obrigação das operadoras e instituições financeiras é ressarcir o cliente que teve o seu cartão clonado! Não existe a necessidade de divulgar mais informações a respeito do caso.

Anúncios


Pense conosco: um criminoso jamais vai utilizar os seus dados pessoais para cometer a clonagem de um cartão ou praticar nenhum outro crime pela internet. Portanto, vamos ser gratos pelo fato de as administradoras devolverem o nosso dinheiro, amém!

Como evitar o golpe?

A primeira dica que podemos dar para que você não tenha o seu cartão de crédito clonado é não comprar em lugares que você não conhece. Mas, isso se torna praticamente impossível, já que diversas vezes nós precisamos comprar em locais que nunca visitamos antes.

Então, o que você pode fazer é checar a procedência de um local antes de passar o seu cartão na maquineta. Ou até mesmo trocar os seus cartões antigos pelos equipados com a tecnologia Contactless – os cartões que realizam pagamentos por aproximação e não precisam ser inseridos nas maquininhas!

Anúncios


Hoje em dia, todo mundo está fazendo compras pela internet. A dica, neste caso, é que você utilize a versão virtual do seu cartão de crédito! Normalmente, o código de segurança é dinâmico, e se modifica a cada nova compra. Isso dá um trabalhão para os golpistas.

Aqui no Blog CiClick, você encontra um artigo inteirinho só sobre como evitar fraudes de cartão de crédito. Dá uma olhada! 

Este conteúdo foi útil para você? Então, não deixe de compartilhar com seus amigos e familiares nas redes sociais!

Anúncios


Fernanda Reis
Redatora formada em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, fotógrafa nas horas vagas e mãe da Aurora. Nascida e criada em Recife (PE). Em seus 28 anos de vida, sempre teve paixão por escrever e um interesse especial pelas áreas de Economia e Finanças.

Artigos Relacionados

Em Alta

Aguarde…

0