Como minerar bitcoins: Tudo sobre a extração das criptomoedas

 Novas criptomoedas chegam ao mercado através da mineração. Saiba como funciona o processo e como ganhar dinheiro com ele

O dinheiro de papel que utilizamos no dia a dia é emitido por instituições financeiras. A Casa da Moeda, por exemplo, é uma delas. Mas, e quanto às criptomoedas? O processo de “nascimento” das moedas digitais recebe o nome de mineração. Se você tem interesse no assunto, está no lugar certo, pois vamos te explicar todos os detalhes sobre como minerar bitcoins neste artigo!

O dinheiro digital já se popularizou no mercado de investimentos e, a cada ano que passa, ganha ainda mais confiança dos investidores.! Inclusive daqueles que olhavam torto para os criptoativos no início, por não entenderem muito bem qual a sua função.

Passado algum tempo, a importância das criptomoedas se fez evidente! O que aumentou a quantidade de mineradores. Um minerador, dentro desse universo, é a pessoa que fabrica as criptomoedas. E a extração é feita a partir de códigos matemáticos supercomplexos!

Como minerar bitcoins? Como funciona esse processo? A gente responde estas e outras dúvidas para você nos próximos tópicos. Preparado? Então, vamos lá!

Minerar bitcoins – O que é isso?

O processo de mineração de bitcoins é como extrair diamantes, ouro e prata. Mas, ao contrário deles que estão embaixo da terra e precisam ser retirados das minas, os criptoativos encontram-se “escondidos” na internet.

Se o que você deseja é a criação de novas moedas digitais, saiba que será preciso minerar. Pode até ser um processo complicado, mas pelo menos você não vai precisar escavar uma mina. Pense nisto!

Para criar uma nova bitcoin, é necessário ter um equipamento específico com programas que resolvem os cálculos matemáticos exigidos para a mineração. É que a extração de novas moedas acontece através de códigos criptografados.

Os cálculos fazem com que novas Bitcoins ingressem no mercado! O minerador, que é a pessoa responsável por resolver os problemas matemáticos, recebe uma recompensa: um pouco do novo criptoativo gerado.

Existe uma quantidade limite de bitcoins que pode ser gerada: 21 milhões. Este número máximo foi registrado no código base da criptomoeda pelos seus criadores. A regra se baseia no mesmo limite dos metais preciosos.

Minerar bitcoin é lucrativo?

como minerar bitcoin e ganhar dinheiro

Podemos dizer que sim, minerar bitcoins é uma atividade extremamente lucrativa para as pessoas que as conseguem extrair. Acontece, amigo leitor, que a mineração de criptomoedas está longe de ser uma atividade indicada para todos.

Antes entrar nesse caminho, é extremamente importante lembrar que você precisa de muita sorte! Afinal de contas, completar criptografias no blockchain e resolver os cálculos necessários é bem difícil.

Além disso, o tempo para conseguir minerar uma única criptomoeda pode ser longo. Na verdade, pode demorar anos até que você consiga começar a minerar bitcoin.  E tem também os gastos, não é? Geralmente, bastante elevados.

Quem faz mineração de bitcoins ganha aproximadamente 6,25 bitcoins por cada problema matemático resolvido. É quem trabalha com isso ganha dinheiro através da taxa de transação, paga a cada problema resolvido.

Hoje, uma única bitcoin custa mais de R$ 266 mil reais. Assim, para cada transação de problema matemático resolvido para a mineração da moeda, o minerador recebe, como pagamento, o equivalente a aproximadamente R$ 1 milhão e 600 mil reais.

Como minerar bitcoins?

Bem, antes de mais nada, saiba que o seu computador pessoal não vai realizar esse trabalho. Nem mesmo se você tiver um ótimo processador!

O processo de extração só é possível com um processador específico e com uma máquina que possa ficar ligada durante 24h – o que já adiantamos, vai gastar muita energia.

Quer saber o que você precisa, exatamente, para minerar bitcoins? Então, anota aí:

  • Um bom sistema de refrigeração, pois a máquina funcionará o dia inteiro por muito tempo e a temperatura precisa ser mantida;
  • Um ASIC Miner – hardware para minerar bitcoins. Para comprar um bom, você terá que desembolsar algo em torno de R$ 75 mil.;
  • Uma carteira de criptos, para armazenar as suas bitcoins;
  • Fonte de energia limpa, como energia solar. É que assim você diminui os custos da energia elétrica e ainda não abusa tanto do meio ambiente com o trabalho da mineração.

Como fazer a mineração mais rápido?

investidor minerando bitcoin

Como vimos, minerar bitcoins pode ser um processo muito longo. Por causa disso, surgiram os pools. Basicamente, um pool de mineração é formado por diversos computadores pertencentes a um grupo de vários mineradores.

Em conjunto, essas máquinas trabalham mais rápido, resolvendo diversos problemas matemáticos e extraindo novas bitcoins. Simples assim.

Para cada transação por problema matemático resolvido, o minerador recebe o equivalente à contribuição dada pela sua máquina. Ou seja, o valor proporcional.

Se você deseja trabalhar como minerador de bitcoins, a nossa sugestão é que você pesquisa sobre os pools! Pode ser uma boa, principalmente para quem vai começar agora.

Programas para a extração de criptomoedas

Os programas utilizados para minerar bitcoins têm o nome de softwares, assim como os demais programas que instalamos no computador.

Eles te conectam à rede blockchain – local onde são resolvidos os problemas matemáticos necessários para a extração das bitcoins.

Portanto, sem o software de extração, é impossível minerar as bitcoins.

Confira, abaixo, os principais programas para a extração de criptomoedas do mercado!

  • EasyMiner: programa indicado para quem está começando. Isso porque ele tem interface gráfica e suporta diversos tipos de mineração – ou seja, dá para minerar outras moedas, além de bitcoin. O software serve para a mineração individual ou em grupo, com os pools.
  • Multiminer: este programa permite que a mineração aconteça em vários pools ao mesmo tempo! Ele funciona muito bem no Windows, além de contar com ferramentas específicas para fazer o cálculo do seu desempenho e do lucro.
  • GCMiner: é um dos programas para minerar bitcoins mais conhecidos e tradicionais do mercado. Assim como o anterior, ele também pode extrair em vários pools ao mesmo tempo. Além disso, o GCMiner conta com controle de refrigeração, monitoramento de desempenho e monitoramento de capacidade de retorno.

Resumindo: para trabalhar como minerador de bitcoins, você vai precisar de equipamento adequado, um bom software de mineração e estabilidade de rede elétrica para rodar o seu equipamento 24h por dia. Portanto, antes de dar o primeiro passo, estude o mercado e se prepare bem para ele!

Este artigo te ajudou a entender como minerar bitcoins? Então, não esquece de compartilhar o nosso conteúdo com os seus amigos e familiares, através das redes sociais. Ah, e aproveite também para conferir outros artigos valiosos sobre Finanças aqui no blog CiClick!

Em Alta

Aguarde…

0