Limite de PIX por dia: Entenda como funciona

Estipular um limite diário para as transações via PIX garante mais segurança aos usuários do sistema

Vamos lá: antes de mais nada, saiba que não existe exatamente um limite de PIX por dia. Ou seja, você pode realizar quantas transferências desejar. No entanto, você ou o banco podem definir um valor máximo para as transações PIX realizadas em determinados horários, como das 20h às 6h, por exemplo. Estamos falando de uma ferramenta poderosa na hora de se proteger contra golpes!

Em outras palavras, o limite PIX nada mais é do que um recurso eficiente de segurança. A gente sabe que uma transferência desse tipo pode ser feita em segundos. Do mesmo jeito que isso facilita a nossa vida, também torna mais fácil as atividades dos criminosos de plantão.

A ferramenta existe, justamente, para evitar que você seja obrigado a transferir altos valores via PIX ou que alguém faça isso no seu lugar. Com ela, você define limites de valores para a realização de PIX nos períodos diário e/ou noturno.

Ficou curioso? Confira, a seguir, como funciona o limite de PIX e proteja-se contra possíveis golpes. Boa leitura!

Como funciona o limite de PIX por dia?

O limite PIX é um mecanismo determinado desde o seu lançamento pelo Banco Central. Ele existia, primeiramente, para transações realizadas durante o período da noite, entre as 20h e as 6h. A autoridade financeira determinou que, durante esse curto espaço de tempo, o valor limite para transações PIX seria de R$ 1.000.

O que levou o BC a adotar a medida foram os sequestros e roubos em que a vítima era obrigada a realizar PIX da sua conta para a conta dos bandidos. Assim, eles conseguiam roubar grandes quantias de forma rápida e sem deixar rastros.

Durante o período diurno, não existe um valor determinado pelo Banco Central como limite PIX. No entanto, você pode determinar esse limite para o período que achar melhor, através da instituição financeira da qual é cliente. Ou seja: você é quem configura o seu limite PIX!

PIX pode ter limite de valor?

Como mencionado anteriormente, no período noturno, o limite padrão de transações PIX é de até R$ 1 mil, segundo determinação do Banco Central. No entanto, você tem a liberdade de configurar o seu limite junto ao banco onde tem conta.

Você pode estabelecer qualquer valor para o limite, além do período, é claro. Definir o limite em R$ 1 mil é uma sugestão do Banco Central. Tomar essa medida traz mais segurança para o seu dia a dia.

Existem alguns bancos que não deixam você alterar o limite do período noturno, já que esse foi determinado pelo Banco Central do Brasil. No entanto, algumas instituições são mais flexíveis do que outras, e permitem que você configure seu limite diário de PIX da maneira que achar melhor.

Outro detalhe importante: o PIX também não tem limite de horário. Ele funciona sempre 24h por dia, todos os dias da semana. No entanto, golpes envolvendo esse tipo de transação aumentaram muito nos últimos tempos. Por isso, é mais seguro estabelecer limites de PÌX para diferentes períodos do dia. 

Teoricamente, entre 20h e 6h acontecem mais assaltos e sequestros no país. Portanto, o recomendado é que durante este espaço de tempo o limite para transações seja o menor possível, ok?

Como configurar o meu limite de PIX por dia?

Não é difícil configurar os seus limites PIX. O Banco Central estabelece o prazo de 24 a 48 horas para conceder o novo valor sugerido durante períodos noturnos, e 24 horas para alterações nos valores de períodos diurnos.

Para o período noturno, você pode determinar a transferência de valores mais altos do que o limite estabelecido para contatos de confiança. Confira, abaixo, como alterar o seu limite PIX!

Passo a Passo

  • Abra o app do seu banco;
  • Dentro da área PIX ou no menu, deve haver alguma sessão chamada Limites ou Meus limites;
  • Selecione entre alterar período noturno ou diurno;
  • Digite o valor que você deseja utilizar como limite;
  • Confirme a operação e espere pelo prazo do Banco Central.

Muito simples, não é? Bem, alguns bancos não permitirem alterações durante o período noturno, mas durante o dia, a grande maioria das instituições financeiras alteram o limite PIX sem grandes burocracias.

Existem, também, bancos que permitem apenas o ajuste do limite noturno entre os seus contatos selecionados (ou seja, pessoas de confiança). Já outras instituições estabelecem limites PIX de acordo com a sua renda.

Já deu para perceber que o limite PIX é uma medida de segurança criada pela autoridade monetária do nosso país, o Banco Central, para te proteger dos criminosos. Existe um motivo real para a existência desse recurso. Portanto, não pense duas vezes antes de começar a utilizá-lo!

Que tal compartilhar este artigo nas suas redes sociais? Cientes da existência desse mecanismo, seus amigos e familiares também poderão se proteger!

Em Alta

Aguarde…

0