Conheça a nova linha de crédito que não consulta SPC ou Serasa!

Saiba mais sobre o projeto que almeja o fornecimento de linhas de crédito para negativados.

Para a alegria de todos aqueles que tem o seu CPF negativado por dívidas, e seus pedidos de empréstimo negados há anos, viemos informar que o governo estuda, neste momento, um projeto de lei que visa disponibilizar linhas de créditos exclusivas para esses consumidores.

Anúncios


Seja para investir em um novo negócio, pagar suas contas atrasadas, ou qualquer outra necessidade sua ou de sua família, esta será uma oportunidade única. Por isso, não deixe de ler esse artigo até o final.

O projeto de lei criado pelo senador Chico Rodrigues (DEM-PR), passa atualmente pelo Senado Federal. Ele prevê juro Zero ou baixíssimo as taxas para essa nova linha de crédito que não visa o lucro, e sim restabelecer A vida financeira de diversos brasileiros pós pandemia. 

O projeto prevê que o empréstimo esteja disponível em bancos públicos e também privadas. Apenas pessoas físicas poderão solicita-lo. 

Anúncios

De acordo com o autor da lei, já existem linhas de crédito para negativados, porém, Com juros tão Altos, o contratante acaba gerando mais dívidas do que resolvendo o seus próprios problemas. Portanto, não existe ajuda para que endividados possam se reerguer financeiramente nestes casos. 

Empréstimo com Garantia 

Anúncios


Uma das previsões do projeto, é que para ter a sua solicitação aprovada, será necessário dar Algum bem como garantia. Estes bens poderão ser, por exemplo: Joias, imóveis, automóveis, folha de pagamento.

Todas as empresas credoras serão terminantemente proibidas de fazer consultas ou checagens ao Serasa para definir a aprovação ou não de uma solicitação.

Anúncios

Este é um projeto que tem como principal objetivo reparar os danos ocasionados na economia pelo novo coronavírus desde o início da pandemia, o que já completará um ano. 

Muitos comerciantes precisaram fechar a suas portas e não puderam vender o seus produtos. Com o comércio fechado, diversos empregos foram perdidos e milhares de fontes de renda foram ceifadas.

Você consegue imaginar quantas famílias passaram por dificuldades que beiram a miséria durante esse período?  Isto é, se a sua também não for uma delas, não é mesmo?

Anúncios

É por isso que projetos de lei como este são tão importantes para a nossa nação nesse momento. Será praticamente impossível ver brasileiros se reerguendo sem ajuda de projetos como este. 

Enquanto o projeto não é aprovado clique abaixo para conhecer outros tipos de empréstimos que não fazem consulta aos órgãos de proteção ao Crédito como SPC ou Serasa.

Sempre faça a simulação! 

O nosso blog sempre está preocupado com a garantia de um bom futuro financeiro para nossos leitores, e é por isso que sempre estamos entregando conteúdo de qualidade relacionado a vida financeira e aos cuidados que é preciso ter para garanti-la de forma saudável. 

Anúncios

Em todos os artigos a respeito de linhas de crédito como empréstimos ou financiamentos aconselhamos os nossos leitores a realizarem a simulação, e sob hipótese alguma assinar nenhum contrato de empréstimo antes de fazê-la. 

É que só através da simulação você poderá saber qual será o custo efetivo total do empréstimo (CET). Dessa forma você saberá exatamente o valor de cada parcela acrescida da taxa de juros para que não haja surpresas desagradáveis mensalmente ao se deparar com uma taxa que que poderá gerar valores exorbitantes.

Outras opções 

Atualmente, existem empresas que liberam linhas de crédito para quem está negativado, porém como mencionamos acima, o juros não são baixos.

Anúncios

Quando a solicitação é feita, O CPF do consumidor é analisado. A empresa irá classificar o risco de emprestar para essa pessoa de A a E. 

Quem é classificado como risco A tem juros bem mais baixos que vão aumentando conforme a classificação se aproxima do perfil de letra E. 

O Banco Central autoriza apenas empresas classificadas como sociedade de empréstimo entre pessoas (SEPS) para realizar este tipo de transação.

Anúncios

por isso, antes de optar por esse tipo de empréstimo, certifique-se de que a empresa escolhida esteja dentro desta sociedade autorizada pelo Banco Central.

Você também pode confiar nas Fintechs que oferecem linhas especiais de empréstimos para afetados economicamente  pela pandemia da COVID-19. 

Um exemplo é a Mova – você pode saber mais sobre ela clicando aqui – que oferece crédito pessoal, em 24 parcelas, com juros que variam de 1,22% a 1,99% ao mês! 

Anúncios

Na mova se você não conseguir pagar as três primeiras parcelas do empréstimo você pode pagar somente ao fim do contrato, sem nenhum juros ou multa a atrelados. 

Outra Fintech que você não pode deixar de conferir é a Mutual. Ela oferece linhas de créditos para micro empreendedores individuais e autônomos que sofreram os efeitos da pandemia. 

Se você está incluído nessa parcela de consumidores, você pode realizar o seu cadastro pelo aplicativo e preencher a solicitação para até R$1000 em crédito. 

Anúncios

A mutual vai te dar 90 dias de carência e cobrar  singela taxa de 1% ao mês. 

Gostou do artigo? Assim como ele foi útil para você, ele poderá ser útil para dezenas de outras pessoas. Por isso, não deixe de compartilhar na suas redes sociais!

Fernanda Reis
Redatora formada em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, fotógrafa nas horas vagas e mãe da Aurora. Nascida e criada em Recife (PE). Em seus 28 anos de vida, sempre teve paixão por escrever e um interesse especial pelas áreas de Economia e Finanças.

Artigos Relacionados

Em Alta