Descubra qual a melhor opção: Financiar ou Pagar à vista.

Veja abaixo qual a diferença entre os dois e saiba qual se encaixa melhor em cada situação!

O brasileiro cultiva o sonho de conquistar um bem; seja um imóvel, automóvel ou mesmo um investimento como, por exemplo, especializações, cursos, entre outros.

Dessa forma, o mercado financeiro tem ofertado várias opções para a realização desses sonhos, contudo, será que esses meios de aquisição, por intermédio de um terceiro; banco ou financeira, são realmente efetivos e vantajosos?

Anúncios


Essa deve ser uma reflexão constante para aqueles que pretendem realizar seus sonhos. Ao repensar as modalidades de aquisição, você cultiva sua educação financeira e observa todos os pontos necessários para efetivar um bom negócio e realmente lucrativo, sem onerar suas finanças.

Assim, nosso blog desenvolveu esse artigo para esclarecer a essa indagação com simplicidade e clareza sem deixar de pontuar as principais contradições entre o financiar ou poupar para aquisição à vista.

Quer descobrir qual a melhor opção? Então, não deixe de acompanhar esse artigo até o final e efetive sua melhor escolha.

Vamos lá!

Sobre o financiamento

Essa é a opção mais comum e disponível no mercado financeiro brasileiro, além de ser a mais acessada pelo consumidor atualmente, a linha de crédito se tornou popular entre os brasileiros pela facilidade na liberação do bem ou valor desde a assinatura do contrato.

Assim, de maneira simples, podemos afirmar que o financiamento diante de seu processo se assemelha ao empréstimo, de maneira que; ao aderir ao contrato diante da instituição financeira ou bancária, você terá que efetuar os pagamentos mensais das prestações conforme a espécie do bem adquirido.

Anúncios

Dessa forma, vale ressaltar, que esse contrato é vinculado a um bem que será objeto do contrato, o que não ocorre no empréstimo ou consórcio, assim, não poderá mudar o objeto do contrato até a sua quitação.

Sobre o pagamento à vista

Fonte: Google
Anúncios


Nessa modalidade de pagamento e aquisição de bens é exige controle financeiro e muito empenho do consumidor, apesar de ser a mais vantajosa; com a isenção de juros e taxas e a concessão de descontos, o pagamento à vista requer apresentação total do valor do bem ou serviço desejado.

 A maioria das instituições optam por essa modalidade e apresentam vantagens para o consumidor que a contratar, conduto, isso poderá acarretar um prazo maior, em relação a outros tipos de aquisição – como, por exemplo, o financiamento, para adquirir o bem.

Anúncios

Quais as vantagens do financiamento e a do pagamento à vista?

Financiamento – Como já exposto acima; o financiamento beneficia o consumidor com o bem ou serviço desde a assinatura do contrato, de maneira parcelada o valor financiado será pago por você até a quitação final do valor lhe conceda o direito efetivo sobre o bem.

Dessa forma, o financiamento é ideal para aquelas pessoas que não conseguem manter uma regularidade poupando, assim, o pagamento das parcelas se torna mais conveniente e prático.

Além disso, o parcelamento poderá ser efetuado em até 35 anos, para a categoria imobiliária, ou em número menor dependendo da financeira ou banco e o tipo de bem ou serviço financiado.

Anúncios

Pagamento à vista – Como já adiantamos antes; o pagamento à vista não irá te onerar e ainda garante outros benefícios, assim, o pagamento à vista para aqueles que cultivam o hábito de poupar garante as melhores vantagens como os descontos em serviços e taxas aplicadas sobre o bem ou serviço, além disso, para conquistar o cliente as instituições financeiras ofertam algum bônus.

Assim, pagar à vista é não contrair dívidas e manter em dia a manutenção da sua saúde financeira sem correr os riscos de um possível imprevisto atrasando o pagamento e ter a perda do bem decretada.

Quais as desvantagens do financiamento e do pagamento à vista?

Financiamento – O modelo que serviço financeiro tem sobre si a cobrança de encargos – referentes a instituição que o oferta, taxas monetárias e juros, o que acaba se tornando uma desvantagem, afinal, existem serviços financeiros com encargos e taxas e tarifas menores que o financiamento no país.

Anúncios

Outra desvantagem é o parcelamento, lembre-se que o bem financiado ele não é seu até a quitação do contrato, logo em eventual atrasado de pagamento a instituição financeira ou bancária poderá reaver o bem sem qualquer devolução do valor já pago.

Pagamento à vista – TEMPO. Exatamente, se no financiamento você leva tempo para pagar, aqui o caminho é inverso; o tempo é contabilizado para poupar o valor necessário para a aquisição do bem.

Assim, dependendo de sua renda e do valor do bem que deseja adquirir é possível que o tempo estimado para poupar o valor seja o mesmo prazo que aqueles aplicados no financiamento ou outro tipo de serviço financeiro; por exemplo, empréstimo, consórcio, entre outros.

Qual a melhor escolha, financiar ou pagar à vista?

Essa indagação poderá respondida por você mesmo!

Anúncios

Isso porque, como exposto, cada modalidade tem sua particularidade e exige uma contra partido como resposta; por exemplo, ao financiamento temos a entrada e o pagamento das parcelas e, ainda, a pose provisória do bem até a sua quitação.

Já no pagamento à vista; temos a organização financeira e o compromisso em poupar o valor para a aquisição do bem.

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite e compartilhe em suas redes sociais. Por fim, aproveite e leia outros artigos em nosso blog sobre o assunto.

Artigos Relacionados

Em Alta