Como investir em criptomoedas e ganhar muito dinheiro com elas

Veja como incluir os criptoativos na sua carteira de investimentos e ter lucro nesse mercado

O mercado das moedas digitais está aquecido e vem conquistando cada vez mais investidores. No começo, em 2008, quando pouco se sabia sobre as criptomoedas, muita gente ficava com o pé atrás em relação ao negócio. Agora, com mais informação disponível e um potencial alto de lucro, “como investir em criptomoedas” se transformou em um dos termos mais pesquisados no Google!

Se você chegou até aqui é porque também tem interesse em saber mais sobre esse mercado promissor. É como todo investimento: para ser feito da maneira certa, é preciso se dedicar aos estudos. Entender no que você está investindo é o primeiro passo para começar a investir – e com as moedas digitais não seria diferente, não é mesmo?

Criptomoedas são investimentos de alto risco. Isso significa que elas são super voláteis – ou seja, o preço desses ativos costuma subir e descer com frequência. As perdas são proporcionais aos ganhos! Por esse motivo, apenas os investidores de perfil agressivo costumam se aventurar nestes mares. Mas, calma: ainda é cedo para dizer se as moedas digitais valem ou não a pena para você.

Nos próximo tópicos, vamos te explicar exatamente o que são, como funcionam e como você pode investir em criptomoedas da forma correta. Será que as suas chances de sucesso nesse mercado são altas? É o que você vai descobrir até o final desta leitura!

Criptomoedas – O que são?

A criptomoeda é o dinheiro digital. Elas funcionam apenas no ambiente online e não têm nenhum tipo de representação física, como o nosso dinheiro, o Real.

Outra característica importante é que slas são descentralizadas. Isso significa que a emissão das criptomoedas não é feita por nenhum governo ou banco! Para que elas sejam emitidas, existe um processo de mineração na rede blockchain. Ele é bastante trabalhoso e custoso.

Cada moeda só vai funcionar no seu próprio blockchain, uma rede de códigos que existe com a função de garantir a autenticidade das transações. Resumindo: uma moeda digital, ou criptomoeda, é um dinheiro digital descentralizado.

Talvez, você só tenha ouvido falar da Bitcoin. Mas, a realidade é que existem muitos outros tipos de moedas digitais circulando no mercado! No entanto, as mais populares, definitivamente são:

  • Bitcoin
  • Gala
  • The Sandbox
  • Polygon
  • Terra
  • Axie Infinity

Como investir em criptomoedas?

Essa é a pergunta que muitos novos investidores têm buscado no Google. Afinal de contas, como investir nas moedas digitais e ganhar dinheiro com elas? Bem, existem algumas formas de se fazer isso, ainda mais em um mercado que está em expansão.

Primeiramente, vamos citar são os fundos de investimento. Muitos deles são 100% dedicados a criptomoedas, sabia? A estratégia utilizada é sempre diversificar a carteira com mais de um tipo de cripto – todas, é claro, com grande potencial de valorização.

Existem também os chamados fundos de varejo. Eles são feitos para quem investe como pessoa física. De acordo com as regras da Comissão de Valores Mobiliários, a CVM, os fundos de varejo devem ter uma exposição de 20% de criptoativos, no máximo. O restante deve ser formado por títulos públicos. 

Tem também os ETFs, já ouviu falar neles? São os Exchange Traded Funds. Em resumo, são fundos de índices de criptomoedas negociados na Bolsa, acompanhando os preços das criptomoedas. Os principais são:

  • Nasdaq Crypto Index (NCI)
  • Índice de bitcoins – contratos futuros da Chicago Mercantile Exchange (CME)
  • S&P Ethereum Index
  • Índice S&P Bitcoin Index
  • S&P Crypto Mega Cap Index

Quando o índice da criptomoeda usada como referência valoriza, o ETF sobe também. O mesmo vale para a desvalorização.

Tem como investir em criptomoedas de maneira direta?

Sim, é possível investir diretamente nas criptomoedas! Basicamente, existem duas maneiras: a primeira é através de corretoras especializadas, as exchanges.  A segunda é pelo chamado peer-to-peer, onde você negocia diretamente com pessoas que têm criptomoedas para vender. Confira abaixo!

Exchanges

Exchanges são corretoras que intermediam a negociação dos ativos. Elas conectam os investidores às moedas digitais. Basta fazer o cadastro e abrir a sua conta em uma corretora especializada, online mesmo, para ter acesso à compra das criptomoedas. Simples assim.

Em seguida, o investidor deve transferir o dinheiro para a conta na corretora e seguir com a negociação, que gera algumas taxas. Comprou a criptomoeda? Guarde o seu ativo na própria corretora.

Vale a pena investir em criptomoedas?

Como mencionamos, moedas digitais são investimentos arriscados. É preciso, primeiramente, analisar e escolher bem onde você vai aplicar o seu dinheiro. Antes de comprar, é importante que você verifique se o criptoativo escolhido está listado nos principais fundos e corretoras do mercado.

Também é muito importante que você leia o whitepaper do investimento, sabe? Aquele documento que contém todas as informações importantes a respeito dele. É possível acessá-los através dos sites oficiais das moedas. Verifique, principalmente, qual o propósito da criptomoeda e quais são as suas especificações técnicas.

E, para finalizar, não esqueça de que quando se trata de investir, a palavra é diversificação. Não concentre todo o seu dinheiro em um único tipo de criptomoeda! Distribua entre diferentes modelos.

Investir em criptomoeda vale a pena quando você tem conhecimento de causa e sabe bem o que está fazendo. Portanto, não perca mais tempo e abra logo os seus livros, faça as suas pesquisas para entender mais sobre o assunto.

Este artigo foi útil para você? Então, não deixe de compartilhar o nosso conteúdo nas suas redes sociais!

Em Alta

Aguarde…

0