Investir no exterior – Vale a pena? Veja como fazer!

Investir fora do Brasil é, de certa forma, proteger o seu patrimônio. Descubra todas as vantagens de realizar aplicações no exterior e veja como fazer isto.

O mercado de investimentos do exterior gera ótimos rendimentos para quem investe sabiamente. Por isso, muitos investidores investem lá fora, diversificando ainda mais suas carteiras. Mas como investir fora do Brasil?

É sobre isso que a gente vai falar no artigo de hoje. Queremos tirar todas as suas dúvidas a respeito de investimentos no exterior, pois uma boa carteira, segura, é feita de diversificação.

Quem compra aplicações fora do Brasil está, em outras palavras, protegendo o seu próprio patrimônio. Comprando moedas fortes, podemos nos proteger caso o mercado brasileiro enfrente oscilações – o que não é muito incomum.

Deseja saber como aplicar no exterior e as vantagens de fazer isso? Então vamos ao que interessa! Acompanhe a leitura deste artigo até o fim para ficar por dentro de tudo e saber como investir fora do Brasil.

Antes de investir, estude!

Quem quer investir bem precisa estudar, essa é uma das premissas máximas. Se a gente precisa se manter atualizado para investir no Brasil, é preciso ainda mais dedicação para aplicar no exterior!

Estude a respeito dos ativos que você deseja adquirir! Uma dica que a gente pode te dar é utilizar, sempre, o simulador de investimentos. A ferramenta vai projetar o futuro dos seus investimentos, proporcionando maior cautela na hora de investir.

Não faça investimentos só porque eles estão na moda. Cada pessoa possui um perfil de investidor diferente, metas diversas a respeito dos seus investimentos! Não existem receitas certas para obter sucesso nesta área.

Procure estar sempre informado a respeito do mercado, tanto nacional, quanto internacional. Aqui no Blog, você encontra muitos artigos a respeito disso! Sem contar que no site oficial da B3, a bolsa de valores brasileiras, existem mais de 70 cursos gratuitos e mais de 400 conteúdos a respeito de investimentos.

Por que apostar no mercado financeiro internacional?

Uma das bolsas que mais tem movimentação de investidores brasileiros é a Nasdaq, dos Estados Unidos. Com o avanço acelerado da tecnologia nos últimos anos, ela se tornou a maior bolsa de valores do mundo.

Cada vez mais investidores estão interessados em investir no exterior. O mais legal é que, diferente do que a maioria das pessoas imagina, aplicar fora do Brasil não é um bicho de 7 cabeças, pelo contrário.

De toda forma, o sucesso dos seus investimentos depende diretamente dos seus estudos e informações. A parte difícil de investir lá fora, na verdade, é fazer uma análise dos ativos que você deseja comprar, e entender como eles funcionam.

A Nasdaq oferece ações de diversas empresas, principalmente das maiores empresas tecnológicas do mundo inteiro. Atualmente, a bolsa de valores dos EUA é considerada o principal termômetro da economia mundial.

Vantagens de investir no exterior

O mercado financeiro não conta com uma quantidade tão grande de produtos quanto o mercado externo. Para muitos investidores, o que a B3 oferece não é o suficiente para alcançar os seus objetivos.

Enquanto encontramos negociações de apenas 1% das empresas de capital aberto do mundo na B3, é possível encontrar ações de mais de 5 mil empresas. Isso representa quase 50% das companhias de capital aberto no globo.

É por isso que uma das grandes vantagens de investir no exterior é o mundo de possibilidades que se abre ao fazermos isto. Aplicar fora do Brasil vai possibilitar uma carteira de investimentos super diversificada – e, portanto, segura.

A nossa economia não é um bom exemplo para o resto do mundo. Quando investimos fora, podemos nos proteger contra as oscilações do mercado! Quando não fazemos isso, podemos nos tornar refém desta instabilidade.

Investimentos internacionais proporcionam segurança e equilíbrio quando a nossa economia não vai bem. Portanto, se você ainda não investe no exterior, pode ser a hora de começar a pensar nisto.

Como faço para investir no exterior?

É possível investir lá fora sem precisar estar lá, graças à tecnologia. Além disso, se engana quem acha que para começar a aplicar fora do país, é preciso ser rico ou ter uma grande quantia de dinheiro.

Você pode começar com pouco e dividir as suas opções em dois grupos. No primeiro, estão as aplicações que não exigem dinheiro para fora. No segundo, as que têm esta demanda.

A plataforma da sua corretora de valores provavelmente já conta com esta opção de investimento. Normalmente, as ferramentas são modernas e fáceis de utilizar! Para investir em ações que demandam o envio de dinheiro para fora, indicamos as corretoras Just2trade e TD Ameritrade.

É possível investir em fundos, COE, ETF e até BDR. Verifique se a sua corretora realiza este tipo de investimentos e não perca mais tempo – comece ainda hoje a mandar um dinheirinho para fora.

Lembre-se que todo investimento requer planejamento. Portanto, estude, se informe e mantenha-se atualizado aqui no blog. Ok?

Gostou do artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e não deixe de comentar!

Em Alta

Aguarde…

0